INTUIÇÕES INSPIRADORAS

0
29

O prazer de chegar depois de uma longa viagem.

Isso pode muito bem ser uma ideia pensada por um especialista em Neuromarketing ao promover uma rede de hotéis, um hotel ou simplesmente um destino.

É justamente este ramo inovador da neurociência que ajuda a explicar porque   uma comunicação impacta, porque um site recebe tantas visitas ou simplesmente se a sua presença no mercado tem sido reforçada. Nos últimos anos, o desenvolvimento da neurociência criou uma verdadeira revolução cultural no marketing tradicional, pois, é a análise dos processos que ocorrem no cérebro primitivo durante a tomada de decisões.

Trata-se, então, de aplicar técnicas de pertencimento à ciência na área de negócios, estudando os efeitos da propaganda na mente humana para prever o comportamento do consumidor. É algo como a sensação de navegar entre as emoções de clientes potenciais e os objetivos de empreendedores que agora podem entender e prever comportamentos.

Em ambientes de incertezas como os do mundo, é preciso aprender a ler a mente dos consumidores, entender seus desejos, identificar suas motivações ao fazer uma reserva e os motivos que os levam a viajar. O desafio é fazer com que os anunciantes alcancem seus clientes através de estratégias inspiradoras de confiança, qualidade e segurança.

Dentre as técnicas adotadas para influenciar o cérebro primitivo dos possíveis hóspedes, destacam-se: perceber suas necessidades, reconhecer os valores e pontos diferenciais e, fundamentalmente, algo inusitado como transmitir o desejo de receber, de compartilhar um espaço, de ser um anfitriāo…

Quando a comunicação é transparente e direta, consegue-se que a pessoa pense “é exatamente assim que me sinto, é o que procurava, pensava que era o único”, e é porque estamos perante um insight. Insight não é um termo novo, seu uso é freqüente na psicologia, sendo entendido como uma “visão interna” ou “interior”. Através de um insight, o sujeito captura sua verdadeira identidade e define suas prioridades, seus gostos e suas escolhas.

Um insight expressa o interior de cada um, a essência, o que nunca se revelará em termos racionais e lógicos; é algo que é sentido, mas raramente dito,  mas também o mesmo termo em inglês é usado para resgatar a conexão simbólica e emocional entre marcas e públicos. O insight é usado porque está dentro do indivíduo.  portanto, não é facilmente percebido, não é uma informação que estatísticas ou padrões de comportamento possam fornecer por si próprios. Muitas vezes é uma dimensão da qual o usuário também não tem consciência.

Se a coincidência se concretiza, o encontro entre a aspiração profunda e a oferta; se for possível atender às expectativas em termos de produto ou serviço, o passageiro com certeza será fiel. Trata-se entāo de ter empatia por eles e conectarem-se com suas emoções através de palavras, gestos e até surpresas, pois, mensagens bem elaboradas e sinceras atraem, aproximam e convocam.

Encontrar o insight é apenas o primeiro passo; o mais importante é ativá-lo e validá-lo desde o próprio destino, de um hotel ou talvez da empresa de turismo.

Uma performance vencedora será aquela que tiver a informação ancorada na realidade de um grupo de consumidores, conhecer as suas motivações mais profundas e executar uma política baseada nesse conhecimento processado e aplicado. Uma equação simples pode explicar melhor: dados + insights + estratégia = desempenho vencedor.

Por estes motivos,  hoje mais do que nunca é necessário aproximar-se dos visitantes, chegar onde estão para descobrir os seus apetites, as suas frustrações, as suas aspirações em relação ao mundo e a oferta que está diante dos seus olhos. As percepções encontram-se em uma paisagem, vivem nos turistas e são claramente percebidas num hotel a partir de uma simples observação. Para encontrá-los é preciso ouvi-los, encontrar suas fibras mais sensíveis, colocar-se no seu lugar e até analisar seu alvo e seus comportamentos sociais.

Num momento em que existe cada vez mais oferta e simultaneamente procura mais fragmentada, o propósito desta técnica vai ajudar a libertar o potencial dos hotéis através de plataformas inovadoras de captação de hóspedes.

Quem adere a este paradigma dispõe de uma ferramenta eficaz que humaniza o seu negócio, tornando a marca insubstituível e, o que é mais importante, autenticamente própria. E no Livro do Meu Hotel estarão os rastros deixados por todos aqueles que um dia passaram, aqueles que experimentaram o prazer de chegar.

Formadores AC

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here